Seguidores

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Natal Boas Maneiras parte II - Cartões

















Você é daqueles que detestam Natal?
Fica melancólico, deprimido, acha tudo uma
grande chateação? Não tem jeito: ou sai da cidade e vai passar o Natal
em algum lugar onde ninguém o conheça, ou tem que entrar no clima.
Vale até tomar um antidepressivo, mas tem que estar bonito, arrumado
e com presentinhos embaixo do braço, sim. Ninguém tem culpa do seu
mau humor, e você não tem o direito de estragar a festa dos outros.

Cartões

Recebeu, tem que responder. Fingir que o carteiro não passou é
muita falta de educação. Se você não sabe para quem enviar, siga o seu
coração e sua agenda. O coração vai apontar para pessoas do seu
convívio que merecem esse tipo de lembrança, e a agenda vai ajudá-lo a
se lembrar de pessoas com quem você não convive intimamente, mas
que ocupam um lugar especial na sua vida, apesar da distância.
Você já pode começar a enviar seus cartões no começo de
dezembro, para evitar atropelos de última hora. E, mesmo que tenha se
esquecido de alguém, pode mandar seu cartão depois que o Natal
passou, só que, aí, apenas com uma mensagem de "feliz Ano-novo" ou
um genérico "boas festas". E nessa onda tecnologica vale tambem manda-los virtualmente, só não se esqueça de mandar.


Ah! E vale tambem voce confeccionar seus cartões com material reciclado, é bem legal.



Espero que tenham gostado



Beijos



Drykka




P.S Texto extraido do meu livro da Claudia Matarazzo - Etiqueta sem frescura.

Um comentário:

Rosangela Ribeiro disse...

Olá, obrigada poer sua participação no sorteio, ja pode visualizar seus numeros para concorrer, anote.... Muito Boa Sorte. Beijos